BRITEIROS: um dia <$BlogRSDUrl$>








terça-feira, agosto 14, 2007

um dia

um dia
um dia ...

não fiques na solidão
das paredes do teu quarto
não te deixes ir morrendo
sem fazer o teu poema

às aldeias e às cidades
vem trazer a tua voz
vem acordar este povo
que vai nascer para a vida

um dia
um dia ...

rasga as malhas do cansaço
não fiques fora da roda
de mãos dadas avançamos
contra o medo e o desespero

vamos erguer a cidade
com tijolos de ternura
no horizonte já se sente
a manhã que há - de chegar


um dia
um dia ...



a bordo do mesmo barco
que o porto não fica longe
leme firme velas soltas
em direcção ao futuro

companheiros de esperança
abraçados na batalha
marinheiros desta praia
um dia vamos vencer

um dia
um dia ...


vieira da silva

:: enviado por vieira da silva :: 8/14/2007 02:23:00 da manhã :: início ::
1 comentário(s):
  • Parabéns pelas suas palavras. Nunca fui grande apreciadora de poesia mas ... não sei porquê, detenho-me em muitas das que escreve e nos apresenta por aqui.
    abraço

    De Blogger Moriae, em setembro 07, 2007 11:46 da tarde  
Enviar um comentário